nn_destaque_b.gif (219 bytes)




O Hinário

Além de ser o ponto alto do trabalho espiritual,é o espelho da vida e das relações humanas no interior da comunidade. É a grande possibilidade de limpeza e transformação, quando todos, irmanados e ombreados na Corrente, passarão até doze horas cantando e bailando, viajando interiormente sob a condução dos hinos e da miração do Daime.

trabalho.jpg (16045 bytes)

Adoramos a Deus, prestando-Lhe todos os louvores e, naquela noite,repleta de alegria e amor, nos sentimos parte do Todo, somos estimulados a nos transformar e nos tornarmos mais aptos a compreender nossas faltas e a de nossos irmãos. Ao final, a alegria, o Sol nascendo, o abraço, a bênção, o aperto de mão, muitas questões resolvidas, muitos insigths libertadores e um grande sentimento de paz.

A força da corrente, dos hinos e do Daime são garantias de uma experiência sadia e agregadora em termos psíquicos. A viagem espiritual e astral não pode ser bem traduzida por palavras mas gera um intenso estímulo para a prática da verdade.O bailado e o canto formam uma síntese unificadora. Celebração da Vida em todos os níveis. A vida da irmandade é uma constante liturgia: trabalhos espirituais, plantios, colheitas, festas, aniversários, reuniões, refeições, mutirões.
(Extrato do ensaio de Alex Polari,Bases para uma teologia do Santo Daime, brevemente disponível na iblioteca)

igrejanoite.jpg (9724 bytes)


footer.gif (1284 bytes)